Ilusionista.

5498797

“Somos astronautas cada vez em que dormimos.
E ilusionistas cada vez em que nos apaixonamos!”


…E passamos então a acreditar.
Aceitamos facilmente o que os olhos nos fazem ver.
Negamos sem querer o que o coração sente.

Admiramos o por do sol, mesmo em uma fotografia.
Sentimos a água salgada do mar, mesmo em um desenho.
Assim, simplesmente somos apaixonados.

Apaixonáveis, portanto entregue a um certo caos interno.
Que esconde sempre e sempre nossas verdadeiras angustias
de um novo amanhecer, sem saber…

A verdade é que o amor, como todas as coisas, tem dois lados.
Um amor feliz e um amor doloroso. Como o preto tem o branco.
E como o sorriso a tristeza.

É certo dizer então que a paixão nos transforma.
Somos astronautas cada vez em que dormimos.
E ilusionistas cada vez em que nos apaixonamos!

Por Cleyton de Paula

Página inicial | Meu Facebook

Anúncios

Sobre sobreamente

Como um admirador nato da Arte e Cultura, analiso o mundo com base no comportamento humano e peço licença para expor a minha opinião. Costumo me enxergar como apenas mais um ilusionista nesse mundo tão caótico. Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: