Jardins

45423reeds

São sorrisos.
Abrigo.
Sempre avante.

Constante.

São necessárias,
Amoras,
Amadas.

Delas, a beleza da vida
Sutilmente perfumada.

Delas, a pureza da continuidade.
Do amor, do abraço.

O sentimento fraterno.
A vida essencial.

– Sim, são vida! Lindas!

São diferentes formas de carinho.
Diversas também são suas cores, formas, manifestações.

São às vezes até ilusões.

Mas os amores, delas assim,
sempre nos tornam pequenos diante de si.

Porque além da beleza, irradiam
a essência a qual a natureza nos proporciona.

Então, são todas sorrisos, beijos, abrigos, afago, sabedoria.
São perfumes, flores, jardins.
São universos. Dessa forma, sem fim.

E todos temos um jardim.
Todas são jardins!

Anúncios

Sobre sobreamente

Como um admirador nato da Arte e Cultura, analiso o mundo com base no comportamento humano e peço licença para expor a minha opinião. Costumo me enxergar como apenas mais um ilusionista nesse mundo tão caótico. Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: