Partiu…

É chegado o momento de analisar os fatos antes que tudo se torne, de fato, apenas um sentimento qualquer. Algo qualquer. Perdido.
É chegado o dia de dizer adeus sem querer, antes que isso se torne tão difícil quanto agora.
É chegado o dia de se colocar no lugar de onde ele nunca deveria ter saído.
Ficar vagando por ai sem ser reconhecido é algo que ele teme. Não por não estar acostumado com a solidão. Mas simplesmente por medo de ‘deixar de existir’ para ela, elas, todos.
Há sempre outros caminhos dentro daqueles errados que ele toma. Já vivenciou outros vícios, um deles ainda o atormenta até hoje. Outros, o tempo simplesmente tratou de coloca-los em seu devido lugar.
Então, é chegado o momento do tempo novamente trabalhar.

Partiu…!

Anúncios

Sobre sobreamente

Como um admirador nato da Arte e Cultura, analiso o mundo com base no comportamento humano e peço licença para expor a minha opinião. Costumo me enxergar como apenas mais um ilusionista nesse mundo tão caótico. Abraço!

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: